As gravadoras são as que realmente pressionam o Spotify

oferta spotify

Parece que quando o rio soa é por causa da água que carrega, mas desta vez o rio parece estar soando em outra cidade que não que a Comunhão da União Europeia acreditou. Como estávamos conversando na semana passada, a Apple foi investigada devido a rumores de que estava envolvida em Spotify irá retirar sua assinatura gratuita como a conhecemos hoje.

Finalmente, foi demonstrado que a Apple não tem nada a ver com isso. No entanto, agora ecoamos que realmente aqueles que realmente estão empurrando o Spotify Eles são as três principais gravadoras que trabalham para o Spotify e para a Apple Music.

Como aprendemos, as três principais gravadoras estariam pressionando o gigante do streaming de áudio para modificar as condições em que uma pessoa pode desfrutar de música gratuitamente em troca de publicidade.

Agora, embora não fosse a Apple diretamente que estivesse mexendo os pauzinhos, tudo isso poderia ter a ver com o lançamento do Apple Music e com certeza isso no final vai acabar por desaparecer a opção freemium do Spotify para ter mais restrições.

Se começarmos a analisar o que está acontecendo atualmente, é normal que as gravadoras pensem em como vamos deixar o Spotify continuar da mesma forma e com os mesmos modelos de vendas, sendo apenas uma empresa que transmite em streaming comparada a outra. como a Apple que apesar de ter toda a música do mundo à venda na sua loja iTunes não coloca uma assinatura freemium com publicidade.

Sony, Warner e Universal continuarão a pressionar o Spotify para que o modelo gratuito que possui seja mais capaz do que já é. Agora vamos fazer um exercício de análise ... As possíveis mudanças nas modalidades de venda do Spotify só serão feitas quando os contratos com essas gravadoras terminarem, o que coincidentemente termina no dia 1º de outubro. Precisamente no mesmo dia em que a Apple termina o período de teste do Apple Music. Está tudo certo? Que estranho, não é?


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.